CLDF: Rafael é prudente e cobra resultados imediatos de sua gestão

Foto: Reprodução

Por Fred Lima

A chegada do deputado distrital Rafael Prudente (MDB) à presidência da Câmara Legislativa do DF foi um pouco controversa. Alguns achavam que o parlamentar fosse jovem demais para ocupar o cargo, já outros disseram se tratar de um nome que representa a oligarquia política na Casa. Rafael é filho do ex-deputado distrital Leonardo Prudente (sem partido), que renunciou ao mandato para não ser cassado.

Com apenas três meses no cargo, o presidente da CLDF vem surpreendendo a classe política. Enquanto seus antecessores davam muita ênfase ao planejamento, Prudente prefere ser mais prático, partindo logo para a execução. A lentidão em dar respostas à sociedade parece que vem acabando na Câmara.

Nesta quinta-feira (4), Rafael recebeu a Diretoria Executiva da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno (ABBP). Desde 2016, a entidade vem reivindicando um comitê de imprensa no Legislativo local. A promessa de implantação do comitê foi feita pelos então presidentes Celina Leão e Joe Valle, sem nenhum sucesso.

Sabendo que o projeto se arrasta há três anos, o presidente da Casa convocou os seus auxiliares e estipulou o prazo de 11 dias para que o comitê de imprensa seja inaugurado, que levará o nome do professor de jornalismo, Francisco de Paula Lima Júnior, o professor Chico, que faleceu em março de 2016. Francisco fundou e presidiu a ABBP.

Em uma administração, o planejamento é fundamental para dar solidez às bases, mas sem a execução se torna papel morto.

A “masturbação sociológica”, termo criado pelo ex-ministro Sérgio Motta, saiu de cartaz. Entrou agora um trecho da música de Geraldo Vandré: “Quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.