Foto: Renato Alves/Agência Brasília.

‘Na pandemia elas acabaram sendo o grande refúgio das famílias’, diz Ibaneis sobre valorização de igrejas e templos religiosos

Por Sabrina Santos

Nesta sexta-feira (27), o governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou que ao contrário de muitos estados, o Governo do Distrito Federal (GDF), não fechou as igrejas durante a pandemia. Segundo o chefe do Buriti, as igrejas são essenciais para a vida das pessoas.

Além disso, Ibaneis agradeceu às igrejas e templos religiosos do DF pelo papel social acolhimento às famílias. Para o chefe do Executivo local, os ambientes religiosos foram o refúgio das pessoas durante a pandemia, que trouxe muitas incertezas para a população.

No Distrito Federal, nós não fechamos as igrejas. Pelo contrário, declaramos elas essenciais às vidas das pessoas. As igrejas acabaram sendo o grande refúgio das famílias.

Ibaneis Rocha, governador do DF

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.