Foto: Reprodução/ Correio Braziliense

Bolsonaro diz que crise de combustíveis vai piorar no mundo todo

Por Sabrina Santos

Nesta quinta-feira (2), o presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou a apoiadores que a crise do preço dos combustíveis “deve se agravar”. Segundo o chefe do Executivo, a crise deve se instalar no mundo todo. Bolsonaro citou as tentativas dos Estados Unidos e da Venezuela de acharem uma solução mais barata, em meio a decisão internacional de boicotar o petróleo da Rússia como consequência à guerra com a Ucrânia.

Além disso, o presidente afirmou estar “tentando abrir a Petrobras”, sem fornecer mais detalhes. A estatal é constante alvo de críticas de Bolsonaro, que não esconde o desejo de privatizá-la. Na semana passada, José Mauro Ferreira Coelho foi dispensado após 40 dias na presidência da Petrobras. Essa é a terceira mudança de chefia durante o governo Bolsonaro.

A União Europeia decidiu não importar mais petróleo da Rússia. Os Estados Unidos tentaram há pouco tempo importar petróleo da Venezuela, do Maduro. O americano falou que não vai aumentar a sua produção de petróleo. O Brasil não tem como aumentar a dele. Em consequência, a crise dos combustíveis deve se agravar, tá? No mundo todo. Se fosse só aqui podiam me culpar, mas é no mundo todo.

Jair Bolsonaro, presidente da República

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.