Foto: Agência Senado

Reguffe defende Lava Jato: ‘É preciso separar as coisas’

Foto: Reprodução

O Senador Reguffe (sem partido-DF) falou nesta quarta-feira (12), em Plenário, sobre o conteúdo dos diálogos entre o Ministro da Justiça, Sérgio Moro, e o procurador da República, Deltan Dallagnol, publicados no site The Intercept Brasil. O senador disse que o sucesso da operação Lava-Jato não deve ser usado para inocentar autoridades que, no âmbito das investigações, atuaram ilegalmente.

— É preciso separar as coisas. Uma coisa é a operação, que é importante para as pessoas de bem desse país e que cumpriu e ainda cumpre um importante papel. Pelo menos, para aquelas pessoas que querem ver as coisas sendo feitas de forma correta. Outra coisa, são os possíveis delitos, desvios ou ilicitudes praticados no âmbito dessa operação. Se comprovadas, precisam ser punidas também — disse.

O senador destacou também seu voto favorável a provação do PLN 4/2019, que concedeu crédito suplementar ao governo federal de R$ 248 bilhões. Para ele, o Congresso Nacional tem ajudado o governo “como nunca viu”, no que diz respeito às contas públicas. (Agência Senado)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.