Fecomércio-DF não cumpriu com a palavra

Por Fred Lima

Diante do quadro panêmico no DF, a Federação do Comércio se comprometeu a elaborar estudo, contratar e disponibilizar “espaço destinado para o tratamento  de pacientes com Covid-19, encaminhados pelo sistema público de saúde do DF”, de acordo com Francisco Maia, presidente da entidade, durante solenidade no Palácio do Buriti, que contou com a presença do vice-governador Paco Britto (Avante). Entretanto, a promessa não saiu do discurso.

Ontem (15), a ocupação dos leitos de UTI no DF para tratamento do coronavírus chegou a 64%, índice mais alto desde o início da pandemia na capital.

Com a contribuição da Fecomércio, o quadro poderia ser outro.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.