Foto: Antonio Augusto/TSE

ELEIÇÕES 2020: Barroso pede que PF investigue ataque hacker ao sistema do TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, pediu nesta segunda-feira (16) que a Polícia Federal investigue ataques cibernéticos aos sistemas da Corte.

Ontem (15), durante o horário da votação, o sistema de informática do TSE foi alvo de um ataque de múltiplos acessos. No entanto, a investida foi neutralizada pelo sistema de defesa e não houve vazamento de dados, segundo o tribunal.

Os dados vazados tinham mais de dez anos de antiguidade e divulgação foi feita no dia das eleições para procurar causar impacto e trazer a impressão de fragilidade no sistema. Ao mesmo tempo que esses dados foram vazados, milícias digitais entraram imediatamente em ação tentando desacreditar o sistema. Há suspeitas de articulação de grupos extremistas que se empenham em desacreditar as instituições, clamam pela volta da ditadura, e muitos deles são investigados pelo STF

Ministro Luís Roberto Barroso, presidente do TSE

Da Redação (com informações da Agência Brasil)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.