Foto: Reprodução

‘Na divisão entre PT e Bolsonaro, o PT certamente não estará comigo’, diz Ibaneis 

Por Sabrina Santos

O governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou nesta terça-feira (19) que tem uma boa relação e não tem o que reclamar do presidente Jair Bolsonaro (PL). Segundo o chefe do Buriti, mesmo com o seu partido indicando a senadora Simone Tebet para pré-candidata ao Planalto, ele estará ao lado do atual mandatário na disputa eleitoral deste ano.

Além disso, Ibaneis ressaltou que em um eventual segundo turno entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Bolsonaro, ele também apoiará a reeleição do chefe do Executivo. A afirmação foi feita em entrevista ao programa CB.Poder, uma parceria da TV Brasília com o Correio Braziliense.

Ele vai ter palanque aqui no DF sem problema nenhum. O MDB é regionalizado. O Norte e Nordeste é mais próximo do Lula. No Centro-Oeste, Sul e Sudeste, tem um alinhamento mais à direita. Na divisão entre PT e Bolsonaro, o PT certamente não estará comigo. Se houver um segundo turno, vou ter que avaliar a situação. Entre Bolsonaro e Lula, devo caminhar com Bolsonaro. (…) Não adianta ficar nessa briga entre A e B. Qualquer dos presidentes eleitos eu vou buscar ter uma boa relação.

Ibaneis Rocha, govenador do DF

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.