Izalci quer que PM e bombeiros tenham o mesmo tratamento previdenciário das Forças Armadas

O senador Izalci Lucas (PSDB-DF) destacou nesta terça-feira (15), em Plenário, o Projeto de Lei (PL 1.645) que trata da previdência dos militares. O senador sugere que a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros sejam adicionados ao projeto e possam ter o mesmo tratamento previdenciário das Forças Armadas.

Ele lembrou as dificuldades enfrentadas na aprovação do relatório por conta de uma redução salarial. Segundo ele, seria uma perda significativa, mas depois de estudo com a bancada do Distrito Federal, associações de praças e oficiais, conseguiram mostrar a viabilidade da recomposição salarial.

Izalci informou ainda que na manhã da última segunda-feira (14) foi entregue o estudo, com minuta já de uma medida provisória relacionadas reajustes, ao governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, com cópia ao presidente da República, Jair Bolsonaro. Ele explicou que o reajuste da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros é uma iniciativa do governo do Distrito Federal, mas precisa da aprovação do governo federal, de onde provêm os recursos.

— Portanto, cabe ao governo federal encaminhar a esta Casa uma medida provisória para que a gente possa consolidar esse aumento e, aí, sim, incluir todos os policiais militares e bombeiros do Brasil no PL 1.645 — disse. As informações são da Agência Senado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.