PSL registra em cartório pedido de expulsão de Eduardo Bolsonaro

Por Fred Lima

A executiva nacional do PSL registrou em cartório nesta quinta-feira (24/10) um pedido de expulsão do líder da bancada do partido na Câmara dos Deputados, Eduardo Bolsonaro (SP). Parlamentares paulistas da ala bivarista já haviam protocolado o documento internamente na legenda nesta manhã. O documento foi apresentado pelo senador Major Olímpio e pelos deputados federais Abbou Anni (SP), Coronel Tadeu (SP), Joice Hasselmann (SP) e Júnior Bozella (SP).

Eles requerem ainda a destituição de Eduardo do cargo de presidente do diretório estadual de São Paulo.

O documento solicita também que seja revogado o cancelamento de 200 diretórios municipais do PSL em São Paulo. A argumentação é que o filho do presidente da República suspendeu esses diretórios de forma ilegítima e que age colocando interesses pessoais acima da sigla. A petição inicial pedia somente a destituição e a reativação dos diretórios, mas o pedido de expulsão foi feito em um complemento.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.