Foto: Reprodução/AB

Uma das prioridades de Ibaneis, CEB Distribuição será privatizada até novembro

Medida vai garantir luz para áreas em regularização

Por Fred Lima

Desde que foi eleito, o governador Ibaneis Rocha (MDB) traçou um projeto para privatizar a CEB Distribuição. De acordo com o chefe do Buriti, o fornecimento de luz muitas vezes encontra impedimento legal em regiões mais carentes, ocasionando os chamados “gatos” na rede de energia.

Para solucionar esse grande gargalo, até novembro o governo do DF vai vender em leilão a CEB Distribuição, operação que deve gerar mais de R$ 1,15 bilhões para investimentos em áreas sociais.

Na prática, a política energética da capital continuará com a CEB, que repassará à iniciativa privada a tarefa de distribuição e cobrança de energia. Tal medida vai proporcionar agilidade na expansão dos serviços e investimentos na substituição de estruturas que estão precárias há décadas.

No sábado (10), Ibaneis esteve no Sol Nascente para assinar o decreto que institui o programa Energia Legal no DF. Na ocasião, o governador explicou que os servidores da companhia não deverão perder o emprego após a privatização:

Nessa sexta-feira (9/10), foi aprovada a criação da CEB Serviços, na qual boa parte desses trabalhadores poderá ser absorvida. Aqueles que não quiserem ficar na empresa nova serão colocados para fora e irão procurar outras atividades. O que não podemos é trocar a população do DF pelos sindicalistas da CEB

Ibaneis Rocha, governador do Distrito Federal

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.