Foto: Reprodução

GOIÁS: Caiado agradece forças de segurança pela prisão de suspeito de matar advogados

Por meio de nota, o governador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM) agradeceu às forças de segurança pública do estado pela prisão do suspeito de ter assassinado os advogados Frank Alessandro Carvalhaes de Assis e Marcus Aprigio Chaves, na última quarta-feira (28/10), em Goiânia. Veja:

Meus agradecimentos às forças de segurança de nosso Estado que rapidamente agiram e conseguiram identificar os suspeitos do brutal crime que vitimou os advogados Frank Alessandro Carvalhaes de Assis e Marcus Aprigio Chaves, na última quarta-feira (28/10), em Goiânia.

Logo que soube desse terrível crime, determinei ao secretário de Estado de Segurança Pública, Rodney Miranda, que mobilizasse nossas forças de segurança para promover uma apuração célere do caso. É determinação de governo elucidar todos os crimes contra a vida, dar resposta às famílias das vítimas e a todos os cidadãos, e não deixar impune nenhum dos responsáveis por tamanha crueldade.

Em poucos dias, nossas forças de segurança identificaram os responsáveis, colheram provas, tudo dentro da lei e com absoluta responsabilidade, e conseguiram esclarecer a cena do crime.

Com apoio da Polícia Civil do nosso Estado irmão, o Tocantins, prendemos o autor dos disparos que, neste sábado (31/10), já está em Goiás a prestar depoimento. Outro suspeito identificado confrontou a PM de Tocantins e foi vitimado.

Apesar da apresentação do autor dos disparos, reforço que nossas forças de segurança seguem com as investigações para verificar se há participação de outras pessoas e a motivação do crime. Nenhuma vertente está descartada.

Reforço que a primeira etapa da investigação do caso está concluída, mas não mediremos esforços para, dentro do rigor da lei, concluir a apuração, e punir os todos os responsáveis.

No nosso governo não tem nenhum crime impune, que não fosse devidamente elucidado. Todos os delitos praticados, nós identificamos os autores, que já respondem pelos seus atos.

Sabemos que perdas de vidas são irreparáveis. Me solidarizo e destino minhas orações aos familiares e amigos dos advogados Frank Alessandro Carvalhaes de Assis e Marcus Aprigio Chaves. Que Deus, em sua infinita bondade, possa a todos consolar neste momento de imensa perplexidade, dor e tristeza.

Ronaldo Caiado

Da Redação (com informações do Portal Goiás)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.