Foto: Adnilton Farias / Agência O Globo

‘Isso é história, já passou’, diz Mourão sobre áudios do STM que atestam prática de tortura na ditadura 

Por Sabrina Santos

Nesta segunda-feira (18), o vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos) afirmou que não há o que apurar sobre os áudios do Superior Tribunal Militar que atestam a prática de tortura na ditadura militar. Ontem (17), a jornalista Miriam Leitão revelou áudios antigos do STM que comprovam a prática.

O general ressaltou que não tem como apurar por que “os caras já morreram”, e reforçou que agora os áudios faram parte da história do Brasil. A reportagem da jornalista traz 10 mil horas de gravações feitas durante os 10 anos em que as sessões do STM foram gravadas. As sessões ocorreram entre 1975 e 1985.

Vai apurar o quê? Os caras já morreram tudo. Vai trazer os caras do túmulo de volta? Isso é história, já passou. Mesma coisa que a gente voltar na ditadura do Getúlio, né. São assuntos já escritos em livros e debatidos intensamente. Passado, faz parte da história do país. 

Hamilton Mourão, vice-presidente da República

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.