Foto: Evaristo Sa/AFP

Queiroga após anunciar fim da emergência por Covid: ‘Nenhuma política de saúde será interrompida’

Por Sabrina Santos

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou nesta segunda-feira (18) que nenhuma política pública de saúde será interrompida com o fim da Emergência e Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) instaurada em fevereiro de 2020 devido à Covid-19. Além disso, o titular da pasta ressaltou que a decisão sobre o fim da emergência não significa o fim da pandemia da covid.

Ontem (17), Queiroga anunciou, em pronunciamento nacional, que o atual cenário epidemiológico do país permite o encerramento da emergência. Na semana passada, a Organização Mundial da Saúde (OMS) manteve a classificação da emergência como “pandemia” após reunião com o comitê de emergência.

É necessário que haja uma transição para que não tenhamos prejuízos na assistência à saúde. Quero frisar que nenhuma política pública de saúde será interrompida. Absolutamente nenhuma. Todas elas foram instituídas pelo governo federal por intermédio do Ministério da Saúde.

Marcelo Queiroga, ministro da Saúde

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.