Foto: Lucas Diener

Caiado sobre transferência da capital do Estado para a cidade de Goiás: ‘Aqui nasceu Goiás’

Por Sabrina Santos

Nesta segunda-feira (25), o governador Ronaldo Caiado (União Brasil) transferiu a capital do Estado para a cidade de Goiás. O ato simbólico é retomado após hiato de dois anos devido à pandemia da Covid-19, marcando a celebração do 295º aniversário da antiga Vila Boa. A transferência simbólica da capital do Estado teve início no governo de Mauro Borges e se estendeu até o ano de 1978, quando foi revogada pelo governador Ary Valadão.

O ato só voltou a ocorrer em 1984, após a edição de uma nova Lei (nº 9.314, de 21 de junho de 1983) sancionada por Iris Rezende. Desde então, o evento ocorreu de forma ininterrupta até 2020, quando precisou ser suspenso devido à pandemia de Covid-19.Na mesma cerimônia, o chefe do Palácio das Esmeraldas também fez a transferência simbólica das sedes do Legislativo e Judiciário.

A importância desta transferência é para que você realce a história, dê conhecimento aos mais jovens de uma cidade mãe de todos os outros 245 municípios. Aqui nasceu Goiás, disse o governador. (…) Governar o Estado não é ato de personalismo, de apostar apenas nas suas decisões. É mais amplo, é resgatar a autoestima de um povo e a credibilidade de uma população.

Ronaldo Caiado, governador de Goiás

Da Redação

Sabrina Santos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.