FOTO: IGOR ESTRELA/METRÓPOLES

Matéria do Metrópoles aponta que “mãos limpas” do governo Rollemberg podem estar sujas de haxixe

FOTO: IGOR ESTRELA/METRÓPOLES

Por Fred Lima

De acordo com matéria publicada pelo portal Metrópoles, o então governador do DF Rodrigo Rollemberg teria vazado informações sigilosas da Polícia Civil obtidas ilegalmente por uma fonte de dentro da corporação com o objetivo de proteger o seu caçula, Pedro Ivo Rollemberg, de uma investigação policial envolvendo o tráfico de drogas.

Os indícios de que o então chefe do Buriti teria tomado conhecimento das investigações e vazado informações sigilosas são “fortes”, segundo a PCDF. No entanto, Pedro Ivo não chegou a ser denunciado pelo Ministério Público. A investigação das interceptações telefônicas segue a topo vapor e pode desvendar a participação ou não de Rollemberg no episódio.

Por meio de nota, o ex-governador classificou a investigação como “repugnante” e de mais uma tentativa de setores da Polícia Civil de atingi-lo atacando a honra de membros de sua família, como ocorreu com seu irmão no ano passado, cuja investigação foi arquivada.

Rollemberg lançou o slogan “Brasília de Mãos Limpas” como mote de sua campanha à reeleição, uma alusão ao governo sem escândalos de corrupção que diz ter feito, mesmo após a eclosão das operações Cheklist, em 2017, e Trickster, em 2018.  

Agora, o ex-governador pode ter apagado as luzes do Palácio do Buriti no dia 31/12/2018, com as digitais de seu governo manchadas pelo uso de entorpecentes, que tem ceifado a vida de vários jovens e destruído famílias pelo mundo afora.

Da Redação

1 thought on “Matéria do Metrópoles aponta que “mãos limpas” do governo Rollemberg podem estar sujas de haxixe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.