Foto: Adriano Machado

Para ajudar vulneráveis, Guedes apoia flexibilização da legislação trabalhista

Por Gabriela Gallo

Nesta terça-feira (8), o ministro da Economia, Paulo Guedes, defendeu a flexibilização da legislação trabalhista em tempos pandêmicos. Segundo o ministro, o país precisa desenvolver formas de incluir no mercado de trabalho 40 milhões de brasileiros que foram prejudicados durante a pandemia. “Eles não conseguiram sobreviver com o quadro de legislação trabalhista existente. […] Então, não vamos tirar direitos de ninguém na legislação trabalhista que existe aí, mas pelo menos como é que a gente cuida deles? Será que precisamos de um regime extraordinário para eles por um, dois anos? Nós temos que raciocinar sobre isso”, disse Guedes.

Ele também mencionou a MP nº 936/2020, que permitiu a redução da jornada de trabalho tal qual a suspensão temporária do contrato de trabalho ou o salário, independente da aprovação dos sindicatos da categoria.

Guedes disse que a economia está retomando em “V”, ou seja, voltando na mesma intensidade que caiu e citou como exemplo a retomada da produção industrial e seu consumo. “Estamos vendo a reação do Brasil e o país surpreendendo de novo”, conclui o ministro.

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.